Prévia da inflação oficial acelera para 0,27% em setembro, diz IBGE.

A inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – 15 (IPCA-15), considerada uma prévia da inflação oficial usada nas metas do governo, acelerou para 0,27% em setembro, LEIA MAIS...

Acesso à informação: Mais de 50% dos municípios da Paraíba não têm site, diz estudo.

Um levantamento verificou que 122 municípios paraibanos não apresentam um endereço eletrônico funcionando na internet, o que representa 54,71% do total do estado. LEIA MAIS...

Sine-PB oferece 100 vagas de emprego em Santa Rita e Campina Grande.

O Sistema Nacional de Emprego na Paraíba (Sine-PB) de Santa Rita está selecionando 80 pessoas para trabalhar numa fábrica de confecção de peças íntimas localizada em Santa Rita.LEIA MAIS...

Governo do Estado e PMJP pagam salário do funcionalismo segunda e terça-feira.

Governo do Estado e PMJP pagam salário do funcionalismo segunda e terça
Os servidores estaduais e do município do João Pessoa começam a receber seus proventos relativos a março a partir desta segunda-feira (30). O Governo do Estado paga, no primeiro dia, os salários dos inativos. Na terça-feira (31), será a vez dos efetivos da administração direta e indireta. A confirmação é da Secretaria de Estado da Administração.
Com o pagamento sendo efetivado a partir da segunda-feira, o governo confirma o compromisso de liberar os proventos dos servidores sempre dentro do mês trabalhado. A Secretaria de Administração relembrou ainda que a partir da quinta-feira (2), véspera do feriado da Sexta-Feira Santa, o ponto será facultativo nas repartições do Estado.
As atividades no Estado voltam ao normal na segunda-feira (6). A exceção é para os serviços essenciais. Esses vão funcionar, normalmente, durante toda a Semana Santa.
Já a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) realiza, nesta segunda (30) e terça-feira (31), o pagamento dos servidores referente ao mês de março. O secretário de Administração (Sead), Roberto Wagner, destaca que dentro da política de valorização do servidor público, o governo municipal garante mais uma vez o pagamento dentro do mês trabalhado.
De acordo com a tabela de pagamentos, a Sead determina que a segunda-feira seja dedicada ao pagamento dos aposentados e pensionistas do Instituto Previdenciário Municipal (IPM) de João Pessoa. Já na terça-feira, o pagamento é efetuado para os servidores das demais secretarias da administração direta e indireta, autarquias e órgãos da PMJP. O pagamento é feito através das agências do Banco do Brasil.

Mercedes-Benz produzirá picape média.

Mercedes-Benz produzirá picape médiaMontadora alemã produzirá picape premium
Certos segmentos não eram abraçados pelas fabricantes de automóveis premium por não acharem nobres o suficiente. Mais parece que as coisas começaram a mudar. Um exemplo é a Mercedes-Benz, que acaba de anunciar que entrará no mercado de picapes até 2020. O modelo médio de luxo é considerado o primeiro em seu segmento, e têm como objetivo os famosos mercados emergentes e que consumem largamente esse tipo de produto, como a África do Sul, América Latina e Austrália, embora a Europa também deva recebê-lo.
A montadora inclusive aproveitou o anúncio e divulgou uma ilustração que já dá uma dica de como a picape poderá ficar, com linhas dianteiras que seguem a de seus utilitários esportes, cabine dupla e quatro portas. Um fato curioso: a América do Norte, maior mercado para esse tipo de veículo, não foi mencionada no anúncio.

Mais de 59 mil contribuintes da PB já prestaram contas ao Fisco.

Mais de 59 mil contribuintes da PB já prestaram contas ao Fisco
Mais de 59 mil  contribuintes paraibanos já prestaram contas ao fisco. De acordo com os número divulgados pela Receita Federal, os paraibanos enviaram59.638 declarações para os computadores da Receita.
O número representa  21,68 % do quantitativo esperado este ano, na Paraíba a que é de 275.000 declarações no Estado.
 O prazo para prestar contas ao Fisco termina exatamente às  23h59min59seg do dia 30 de abril de 2015.
Os contribuintes que entregam a declaração no início do prazo têm prioridade para receber a restituição, caso não preencha a declaração com erros ou omissões (a cada retificação, o contribuinte volta ao final da fila da restituição). Têm também prioridade no recebimento da restituição pessoas com mais de 60 anos, portadoras de moléstia grave ou com deficiência física ou mental.
O contribuinte que tiver dúvidas na hora de fazer sua Declaração do Imposto de Renda pode recorrer ao Perguntas e Respostas 2015, disponibilizado no site da Receita Federal:http://www.receita.fazenda.gov.br/publico/perguntao/Irpf2015/PerguntaseRespostasIRPF2015.pdf. O referido manual contém 699 perguntas e respostas.

Caminhão cai em cima de carro na BR-163 em MT e mata cinco pessoas.

Caminhão cai em cima de carro na BR-163 em MT e mata cinco pessoas(Foto: Dionísio Colla/ Cenário MT)
Cinco pessoas, supostamente da mesma família, morreram após um caminhão bater e tombar em cima do carro de passeio em que estavam, no km 570 da BR-163, entre Nova Mutum e Diamantino, distante 269 km e 209 km de Cuiabá, respectivamente. De acordo com informação da Polícia Rodoviária Federal emMato Grosso (PRF-MT), o acidente ocorreu no início da tarde desta sexta-feira (27). O carro tem placas da cidade de Sorriso, no Norte do estado, e nele estavam três mulheres, um homem e uma criança com aproximadamente seis anos. O trânsito no local está completamente bloqueado.
O motorista do caminhão foi encaminhado para o Hospital de Nova Mutum. O estado de saúde dele não foi divulgado. A  concessionária Rota do Oeste, responsável pela duplicação e reparos na rodovia, informou que equipes do Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) estão no local para prestar socorro. Também foram enviados dois guinchos e veículos de inspeção.
Ainda de acordo com a Rota do Oeste, os veículos envolvidos no acidente ainda estão na pista e a orientação aos motoristas é evitar este trecho. Não há previsão para liberação da pista.

Remédios sofrem reajuste de preço a partir da próxima terça-feira.

Até a próxima terça-­feira, o Ministério da Saúde vai anunciar os índices de reajuste anual dos medicamentos.

No ano passado, o aumento autorizado pela Câmara de Regulação de Medicamentos (Cmed) foi de até 5,68%, com efeito médio de 3,35%.

Para tentar driblar mais este aumento que deve pesar mais uma vez no orçamento dos paraibanos a partir de abril, alguns consumidores estão se programando para antecipar as compras de medicamentos e tentar adquirir algumas unidades a mais para guardar.

Este é o caso da professora aposentada Maria do Socorro Lino, que faz uso frequente de medicamentos, no bairro pessoense dos Bancários.

Entre os remédios estão para tratar pressão arterial, osteoporose, problemas com visão e a tireoide, ela gasta em torno de R$ 240 a cada um mês e meio. 

“Esse reajuste acaba com o consumidor. Vou me planejar para comprar remédios antes do novo aumento. Alguns deles já preciso de reposição e outros porque quero me antecipar para economizar. As novas compras vão pesar mais no bolso porque a situação já está difícil com tantos aumentos”.

O presidente do Sindicato dos Farmacêuticos de João Pessoa (Sindifarma­JP), Hebert Almeida, explicou que a alta não deve chegar de forma imediata ao bolso do consumidor. Segundo ele, quando o reajuste é oficializado e autorizado pela Cmed, os laboratórios fazem o acréscimo do valor e repassam os novos preços para as distribuidoras que, por sua vez, repassam a alta para as farmácias. “À medida que os farmacêuticos vão fazendo novas compras e sentem o impacto do reajuste, repassam para o consumidor, mas hoje em dia as farmácias têm estoque pequeno”, frisou Hebert Almeida. O gerente da Redepharma da Praça 1817, Fábio Melo, contou que as farmácias não estimam de quanto será o percentual. “O problema é que a gente nem sabe quanto vai ser e ALEXSANDRA TAVARES nem se o aumento será de A a Z (todos os remédios)”, disse Fábio.

DATA CONFIRMADA
O Ministério da Saúde informou, por meio da sua assessoria de imprensa, que até o dia 31 deste mês anuncia o aumento, e que não pode divulgar nada sobre o assunto até esta data. 


Do JPB

Precatórios têm que ser pagos até 2020 e dívida preocupa gestores.

O governo do Estado e 173 municípios paraibanos, que devem em precatórios o montante de R$ 3,11 bilhões, terão que quitar as dívidas com os cidadãos que foram beneficiados com decisão judicial até o final de 2020.

Acordos diretos com o credor para pagamento do precatório também poderão ser realizados, desde que reduzam no máximo 40% do valor devido atualizado.

A decisão é do Supremo Tribunal Federal (STF) na última quarta-feira, que também mudou a forma de correção dos valores.

A cifra bilionária corresponde a débitos perdidos pelo Estado e prefeituras em sentenças condenatórias no Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), Tribunal Regional Federal (TFR) e Tribunal Regional Trabalhista. “Esse valor é atualizado com os precatórios devidos e ainda não pagos desde 2003 até os dias atuais”, revelou o juiz auxiliar do TJPB, Eduardo José de Carvalho, que é o responsável pela Gerência de Precatórios do TJPB.

Para dar agilidade, o tribunal estabeleceu uma ordem preferencial, considerando os critérios de idade (60 anos ou mais) ou por doenças graves, nas quais é concedido em parte o montante devido ao titular. “Há cerca de quatro mil requerimentos. Estamos listando todos para priorizar esses pedidos e, assim, reduzir o volume”, afirmou.

A decisão do STF em limitar o tempo não foi bem recebida pelos órgãos devedores. O secretário de Estado de Planejamento, Orçamento, Gestão e Finanças, Tárcio Pessoa, disse que é impraticável o cumprimento da determinação dentro do prazo em que foi estipulado pelo STF. “Isso inviabiliza a administração pública”, questionou. Ele lembrou que nos últimos 30 anos, R$ 300 milhões foram pagos em precatórios pelo Estado. A dívida hoje está em 1,4 bilhão.


Do JPB

Deputados aprovam fim do sigilo na votação das contas do governo.

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou nesta quinta-feira (27), por unanimidade, a instituição do voto aberto para a apreciação de contas do governo do Estado.

A decisão ocorre dias antes das contas de 2011 e 2012, do governador Ricardo Coutinho (PSB), serem apreciadas pela Casa.

Embora o projeto de autoria da Mesa Diretora tenha recebido o aval dos deputados das bancadas de oposição e situação, ele é visto com desconfiança pelo líder oposicionista, Renato Gadelha (PSC), que vê no sigilo mais autonomia para o parlamentar e menos “controle” do governador nas votações.

Tramita atualmente na Casa duas contas do governo para apreciação. Essas já serão votadas em plenário com votação aberta. “Essas contas estão em suas respectivas comissões e quando chegarem à Mesa serão incluídas para apreciação em Plenário de forma imediata”, explicou o presidente da Assembleia, Adriano Galdino.

Para o parlamentar, a Assembleia faz história com a aprovação do projeto, já que mostra à sociedade que os deputados não têm medo de assumir suas posições. “Os deputados consertaram essa falha do regimento interno que não estava em consonância com a Constituição Federal e Estadual”, afirmou.

Para o vice-líder da oposição, deputado Janduhy Carneiro (PTN), a matéria não precisava, sequer, ser deliberada, pois a votação das contas do governador não poderia ser secreta. “Onde não constar na Constituição que o voto é secreto, o aberto é a regra. Portanto, a votação das contas dos governadores e do presidente da República tem que ser aberta. Hoje isso foi formalizado na Assembleia”, disse.

Para o deputado, os parlamentares precisam mostrar a cara. “Eu acho que não há mais tempo de se esconder. A população quer que as coisas sejam às claras”, disse.

Outros projetos Também foram aprovados ontem, a exemplo da Medida Provisória 234/2015 do Governo do Estado, que congela a atualização dos subsídios do governador, do vice­-governador e secretários estaduais até que a realização de receita pelo Estado possibilite ao Poder Executivo cumprir o limite legal de despesa com pessoal nos termos da Lei Complementar 101, de maio de 2000.


Do JPB

Apagão no Vale do Piancó decorreu de descargas elétricas, informou a Energisa.

A Energisa, empresa que presta o serviço de fornecimento de energia, informou ao repórter Hyldo Pereira do Sistema Correio de Comunicação, que descargas elétricas foram às causadoras do apagão que durou cerca de seis horas, em 18 cidades do Vale do Piancó.

Segundo a assessoria de comunicação da concessionária, o fornecimento foi restabelecido no começo da manhã desta sexta-feira (27).

O apagão causou prejuízos a vários comerciantes da região.

Do DiamanteOnline

Serra Grande efetua pagamento da folha antes mesmo do vencimento.

A eficiência na atual gestão municipal serra-grandense é sempre o foco para um futuro melhor, isso é o que disse o Prefeito Jairo Halley, durante um encontro com seus secretários, no início do mês de março deste ano.

Para o gestor, o pagamento em dias, motiva o funcionalismo municipal a produzir mais e com qualidade.

De acordo com o Secretário de Finanças do município, Rodrigo Ferreira Lopes, o pagamento da folha dos funcionários de Serra Grande (PB) foi efetuado nesta quinta e sexta-feira (27). “Todos os funcionários já estão com seus vencimentos depositados em conta, isso porque recebemos a autorização do Prefeito Jairo, ele sempre pede que seja feito o pagamento, assim que o dinheiro estiver disponível, e foi isso que fizemos”, pontua.     

Além deste cuidado com o equilíbrio financeiro do município, a gestão sempre vem pautando a limpeza urbana, o abastecimento rural, a saúde pública, além da educação e o desenvolvimento geral serra-grandense.



Da Assessoria

Fiat lança Palio Best Seller.

Fiat lança Palio Best SellerComemorando a liderança do Palio em 2014
A Fiat lança uma série especial para o Palio, em comemoração ao título de automóvel mais vendido de 2014. Chamada de Best Seller, a nova versão é baseada nas versões Attractive 1.0 e 1.4, e dessa forma ficaram mais completas, trazendo revestimento dos bancos de tecido exclusivo, defletor de ar traseiro na cor do veículo, faróis com lentes escurecidas e adesivos Best Seller nas colunas traseiras.
Fora esses acréscimos, a versão já vem com rádio integrado ao painel, volante com regulagem de altura, porta-óculos e apoio de braço para o motorista. A versão 1.4 inclui função tilt down (espelhos retrovisores do lado esquerdo que se abaixam ao engatar a ré) e banco do motorista com regulagem de altura. O Palio Attractive Best Seller custa R$ 40.740 na versão 1.0 e R$ 43.780 na 1.4.

Ex-deputado Wilson Braga é internado no Hospital Samaritano em João Pessoa.

O ex-deputado estadual e ex-governador da Paraíba Wilson Leite Braga, de 83 anos, deu entrada no fim da tarde desta terça-feira (24), no Hospital Samaritano, em João Pessoa.

Ele sentiu-se mal por causa de um refluxo e procurou atendimento médico, tendo sido aconselhado a ficar em observação no hospital.

Um assessor do ex-deputado informou que Braga estava acometido de uma forte gripe no fim de semana passado, o que deve ter reduzido sua imunidade. "A internação foi apenas por precaução. Não é nada grave", declarou.

Mesmo assim, o ex-governador está internado no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) e, com uma tosse intermitente, causada pelo refluxo, está sendo monitorado pela equipe a fim de reduzir o desconforto. Uma tomografia foi feita, mas não apontou nenhum problema de saúde grave. 


Fonte: ParlamentoPB

Energisa encontra seis mil ligações clandestinas na Paraíba em 2014.

Seis mil ligações ilegais de energia foram desligadas em toda a Paraíba no ano de 2014, de acordo com levantamento da concessionária de energia do estado, a Energisa.

Os 'gatos' podem gerar processo por furto, dano ao patrimônio, apropriação indébita e fraude, as ligações clandestinas de energia continuam sendo prática comum na Paraíba. 

Segundo a Energisa, foram desviados 120 Gwh, energia suficiente para abastecer uma cidade como João Pessoa durante dois meses.

Em um período de forte crise no país, em que o custo de energia só aumenta, a concessionária explica que este é mais um peso na conta paga por todos que estão usufruindo do serviço de forma regular.

De acordo com o gerente de Operações da Energisa, Felipe Vianelli, existe uma forma para identificar possíveis furtos. “Temos o processo de leitura onde medimos o faturamento da empresa, e existem as medições automatizadas onde conseguimos ver o fluxo de energia que passa pelos condutores no circuito. Se houver uma diferença considerável ao fazermos a comparação, é um indicativo de que aquela área possui potencial de furto de energia”, explicou Vianelli.

Felipe ressalta que o estado deixa de receber muitos investimentos por conta desses furtos. “O estado deixou de recolher R$ 1 milhão em Imposto sobre Circulação em Mercadorias e Prestação (ICMS), e isso poderia ter sido revertido em verba para a saúde, educação e outras áreas de atuação do governo”.


Do G1

Governo revisará todos os contratos do Fies.

O ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, disse nessa terça-feira (24) que o governo revisará, “contrato por contrato”, os benefícios do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para evitar reajustes abusivos nas mensalidades dos cursos bancados pelo programa.

Segundo ele, as instituições têm de respeitar o limite de reajuste de até 6,4%, que equivale à inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 2014.

A regra foi instituída este ano e criou embates com as instituições de ensino.

“Vamos analisar contrato por contrato, verificar se houve abuso nas matrículas e vamos querer rediscutir essa questão com as mantenedoras. É responsabilidade do Estado defender o consumidor, defender o estudante, e buscar um bom entendimento nessa questão. Por isso, você renova o contrato com o limite de aumento no financiamento, que é a inflação do ano. O que está acima disso vai ter que ser rediscutido”, disse Mercadante, em entrevista no Palácio do Planalto.

A análise dos reajustes será feita por um grupo de trabalho formado pelos ministérios da Educação e da Justiça. O grupo também proporá melhorias no programa.

“O financiamento permanece, continuará, todos terão direito à renovação, mas não pode haver abuso na mensalidade. O aluno não sente hoje, mas ele vai pagar no futuro. Como não há essa percepção por parte dos estudantes, as instituições estavam embutindo no financiamento reajustes abusivos. E isso não pode continuar”, acrescentou o ministro.

Aloizio Mercadante disse que o aumento acima do limite da inflação também sobrecarrega o Tesouro Nacional, responsável pelos recursos do Fies. O ministro defendeu as novas regras de acesso ao financiamento, que condicionam a concessão à obtenção de pelo menos 450 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio, sem zerar a redação, e à boa avaliação dos cursos pelo Ministério da Educação.


Agência Brasil

O Senado Federal aprovo em segundo turno, o fim de coligações partidárias .

O Senado Federal aprovou nesta terça-feira (24), em segundo turno, o fim de coligações partidárias para eleições proporcionais – de deputados federais, estaduais e vereadores.

A proposta de emenda à Constituição (PEC) agora seguirá para análise na Câmara dos Deputados.

A PEC foi aprovada em plenário por 62 votos favoráveis, três contrários e com uma abstenção.

A proposta prevê o fim das coligações em eleições proporcionais, ou seja, a aliança de partidos será permitida somente nas eleições majoritárias – para presidente, governadores e senadores.

“A medida contribuirá para o fortalecimento dos partidos políticos e para a transparência na representação política, já que, com o fim das coligações nas eleições proporcionais, o voto dado no candidato de um determinado partido não poderá contribuir para a eleição de candidato de outra agremiação”, afirmou Valdir Raupp (PMDB-RO), em seu parecer como relator da medida na Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

Como é hoje
O sistema atual permite a união de partidos nas eleições para deputados estadual e federal e para vereador, formando uma coligação. Na hora de votar, o eleitor pode escolher um candidato (voto nominal) ou apenas o partido (voto de legenda).

Quanto mais votos uma coligação obtiver (somando nominais e na legenda), mais vagas terá no Legislativo.

Na prática, coligações que têm candidatos bem votados (“puxadores de votos”) e/ou muitos votos na legenda conseguem eleger também candidatos pouco votados. Por isso, é comum ver um candidato ser eleito mesmo tendo menos votos que outro, de outra coligação.

Em 2010, por exemplo, o humorista Tiririca (PR-SP) recebeu 1.353.820 de votos. A votação de Tiririca não beneficiou diretamente candidatos de seu partido, mas sim, candidatos de sua coligação, formada por PR, PSB, PT, PR, PC do B, PT do B.

O último eleito da coligação, Vanderlei Siraque (PT), e o penúltimo, Delegado Protógenes (PC do B), obtiveram cerca de 90 mil votos cada um. Ficaram de fora nove candidatos da coligação formada por PSDB, DEM e PPS que tiveram mais votos que eles.

Se as coligações forem proibidas, ainda haverá a figura do “puxador de voto”, mas ele beneficiará apenas outras candidaturas do mesmo partido.


Do G1

Mulher natural de Princesa Isabel morre ao cair do 6º andar no Bairro de Manaíra, em João Pessoa (PB).

Uma tragédia na tarde neste domingo (22) assustou os moradores do edifício Idalina, no bairro de Manaíra, nas proximidades do Shopping, em João Pessoa (PB).

Uma mulher, identificada pelo nome de Soraya Gomes Moreno, 37 anos, natural da cidade de Princesa Isabel, no Sertão da Paraíba, caiu do sexto andar e teve morte instantânea. A Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros e o Gemol foram acionados pela direção do Condomínio. A área teve que ser isolada.
(Esposa de médico morre ao cair de prédio)

Soraya era esposa do médico Gilson Medeiros da cidade de Patos, com quem tinha um filho menor de idade. Ambos trabalhavam na Clínica Santa Lúcia em Princesa Isabel.


Imagem forte abaixo:
A morte da princesense ainda é misteriosa e só após uma perícia, será emitido um laudo médico para informar a real causa. Na cidade sertaneja, a notícia foi impactante.

Do DiamanteOnline