Exposições de artes plásticas podem ser visitadas na Estação Cabo Branco. Veja!

Exposições de artes plásticas podem ser visitadas na Estação Cabo Branco
Seis exposições permanecem abertas para visitação pública na Estação Cabo Branco - Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano, neste mês de fevereiro. São as mostras Rastros e Vivências de Wilson Figueiredo, JPA João Pessoa Artesã, Entre Páginas, Visões de Outrora de Américo Falcão, Releituras de Claude Monet, Sonho Branco de Eliane Veloso e Oceano da Aliança Francesa. A entrada é gratuita e o público pode visitar de terça a sexta-feira, das 9h até 21h, e sábados, domingos e feriados das 10h até 21h.
"Rastros e Vivências", de Wilson Figueiredo, pode ser vista no primeiro pavimento da Torre Mirante. No local, o visitante vai encontrar 12 telas confeccionadas com técnica mista (arame sobre acrílica em eucatex). O arame é afastado três centímetros da tela e quando a luz incide sobre ele projeta-se uma sombra do desenho na tela, provocando uma leitura tridimensional. Esta realça as expressões dos personagens em ações de vida e trabalho, revelando e, ao mesmo tempo, resgatando imagens da cultura nordestina no seu cotidiano, com habilidade artística dentro de uma simplicidade técnica autodidata.
O nome da exposição, segundo Wilson Figueiredo, consiste no resgate de suas andanças e vivências pelo Sertão paraibano, uma vez que ele é natural de Patos (PB) e conhece bastante toda a região. Além de pintor e escultor, é também desenhista.
Outra exposição em destaque é "JPA - João Pessoa Artesã", uma mostra de artesanato e habilidades manuais de artesãs da cidade de João Pessoa. A exposição é fruto do projeto que reúne ações sociais implantadas pela Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para as Mulheres, Secretaria de Desenvolvimento Social e Secretaria de Emprego e Renda da Capital.
A terceira mostra é "Entre Páginas", que exibe, além documentários e vídeos, desenhos de artistas paraibanos e potiguares renomados, a exemplo de William Medeiros, Ricardo Jaime, Alberto Pessoa, Jack Hebert, Henrique Magalhães, Emir Ribeiro e outros. No primeiro pavimento, dentro da exposição, o público conta ainda com oficinas, lançamentos e reproduções em 3D de heróis dos quadrinhos.
"Visões de Outrora" é uma exposição do Instituto Américo Falcão divulgando a obra do poeta nascido em Lucena (PB). A mostra é composta por fotos, poesias e mobiliário da época, relatando a história, a vida e a poesia de Américo Falcão. Visões de Outrora é um regaste especial da história e da vida deste paraibano esquecido na literatura paraibana.
O visitante, neste mês de fevereiro, pode prestigiar também a exposição "Sonho Branco" de autoria da artista plástica Eliane Veloso. São imagens de plantações e plantadores de algodão.
A escola de idiomas Aliança Francesa está em cartaz também na Estação Cabo Branco com a exposição "Ocean", que traz fotos do making off do filme que leva o mesmo nome da exposição. São ao todo 35 fotografias captadas pelos cineastas Jacques Perrin e Jacques Cluzaud, longametragem co-produzido pela Disneynature e ganhador do César 2011 de melhor documentário.
 Serviço:
Exposições em cartaz: Rastros e Vivências de Wilson Figueiredo, JPA João Pessoa Artesã, Entre Páginas, Visões de Outrora de Américo Falcão, Releituras de Claude Monet, Sonho Branco de Eliane Veloso e Oceano da Aliança Francesa.
Local: Estação Cabo Branco - Ciência, Cultura e Artes e Estação das Artes - Altiplano
Horário de visitação: Terça a Sexta-feira de 9h até 21h, e sábados, domingos e feriados - 10h até 21h.
Informações: 3214.8270 - 3214.8303
www.joaopessoa.pb.gov.br/estacaocb





Secom-JP

Comentários
0 Comentários