Conta de luz deve ser reduzida em apenas 1%.

A presidente Dilma Rousseff disse que o governo vai começar a reduzir o valor da bandeira vermelha ­tarifa adicional que é aplicada nas contas de luz quando há muita geração de energia por termelétricas, que é mais cara.

A previsão é que o valor da bandeira vermelha caia cerca de 15%, passando dos atuais R$ 5,50 por 100 kWh (quilowatts­hora) consumidos para entre R$ 5 e R$ 4,50.

A redução foi possível porque na semana passada o governo mandou desligar 21 térmicas.

Do JPB

Comentários
0 Comentários