Policial civil é morto a tiros durante assalto a caminhão no Cariri da Paraíba.

Um policial civil, cuja identificação não havia sido divulgada até as 21h15, foi morto a tiros durante assalto a um caminhão. O caso aconteceu em Sumé, no Cariri da Paraíba, a 264 km de João Pessoa, na rodovia PB-412, que liga o município à cidade de Monteiro. O crime foi registrado no início da noite desta terça-feira (4).

Segundo o sargento Henriques, da Polícia Militar de Sumé, o policial, que seria do estado da Bahia, conforme informações preliminares levantadas, seguia na companhia do motorista e estaria oferecendo suporte ao transporte da carga, que seria de tecidos.

“Ao passar pela cidade, o caminhão foi interceptado por uma quadrilha de quatro pessoas em um Fiat Strada de cor vermelha, que anunciou um assalto”, contou o sargento. Ele acrescentou que não se sabia se o objetivo dos bandidos era roubar a carga, pois eles levaram apenas o dinheiro do motorista, que não sofreu danos físicos.

De acordo com Henriques, o policial que estava no caminhão, que, inclusive, utilizava colete a prova de balas, teria, a princípio, tentado não se identificar aos criminosos. Em seguida, ele teria resolvido agir.

“Ele correu e atirou nos assaltantes, que o perseguiram por uns 15 metros e o mataram a tiros, fugindo em seguida”, explicou o sargento. O grupo não havia sido identificado e uma operação conjunta das Polícias Civil e Militar investigava o caso no momento da apuração desta matéria.

Até as 21h15, a cena do crime ainda não havia sido mexida. Conforme o agente Nalberto, da delegacia de Monteiro, a Polícia Civil se deslocou para averiguar o caso através de 12 homens em quatro viaturas. "Estamos fazendo bloqueios em vários trajetos", contou o policial.

O condutor do caminhão seria ouvido pelo delegado plantonista. A PM informou que, após uma perícia, o corpo do policial deveria ser direcionado ao Instituto Médico Legal de Campina Grande.


Do Portal Correio

Comentários
0 Comentários