Prazo para preenchimento de vagas do SISU é estendido até 30 de setembro.

Sem conseguir preencher as vagas oferecidas pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), as universidades públicas ganharam mais um mês para ocupar as vagas.

O prazo do Ministério da Educação (MEC) para fechamento dos processos do Sisu foi adiado de 31 de agosto para 30 de setembro.

Até o momento, somadas as instituições federais, são 930 vagas ociosas.

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFPB), fará mais chamadas de acordo com a sobra de vagas. Ainda há oportunidades para cursos como Adminstração, Direito e Engenharia Elétrica. A Universidade Estadual da Paraíba é a instituição com melhor aproveitamento de vagas e está prestes a preencher todas as que foram oferecidas.

A coordenadora de escolaridade da UFPB, Marilene Salgueiro, explicou porque a instituição optou não realizar mais convocações. “Tivemos uma pequena sobra de vagas, mas não será feita outra chamada porque a maioria dos cursos não tínhamos mais candidatos classificados. Muitos alunos se inscrevem, mas depois segunda chamada já se matriculam em outras universidades ou conseguem ingresso nas faculdades particulares através do  Prouni”.

O IFPB concluiu a matrícula dos candidatos da 3ª lista de espera na última quinta-feira. De acordo com o coordenador de matrículas do Sisu, Thiago Cavalcante, a instituição está aguardando o levantamento de matrículas feitas em todos os pólos para definir o cronograma para uma nova chamada, caso haja sobra de vagas. “Na semana que vem teremos o levantamento dos outros pólos e vamos realizar outra convocação se sobrar vaga”, disse.

Já a UFCG teve maior ocupação de vagas: das 1.580 oferecidas, sobraram 41 vagas. O novo levantamento das vagas da UEPB que serão oferecida na próxima chamada será divulgado na próxima semana.


Portal Correio

Comentários
0 Comentários