Brasil vê obrigação de vitória contra o Paraguai pelas Eliminatórias da Copa 2018.

A seleção brasileira entrará em campo na noite de hoje desfalcada 
de David Luiz e Neymar. (Foto: Reprodução)
A seleção brasileira entrará na noite desta terça-feira (29), no Defensores del Chaco, em Assunção, desfalcada de David Luiz e Neymar. Ainda assim, vencer o Paraguai pela 6ª rodada das Eliminatórias da Copa 2018 é obrigação.
Depois de abrir 2 a 0 frente ao Uruguai e permitir o empate dos visitantes no duelo disputado em Pernambuco na última sexta, a ideia dos comandados do técnico Dunga é recuperar os pontos perdidos em casa para não complicar a situação do time nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.
"Já jogamos sem ele [Neymar] e fomos bem. Precisamos mostrar que aqui é a seleção brasileira. Precisamos vencer", alertou Willian, que deve assumir a função de protagonista do setor ofensivo sem a presença do craque do Barcelona ao seu lado.
 O ex-corintiano Renato Augusto, autor de um dos gols no empate por 2 a 2 contra o Uruguai concordou com o jogador do Chelsea, e avisou que o Brasil tem todas as condições de superar os paraguaios em Assunção.
"A cada seis pontos você tem que fazer ao menos quatro. Eliminatórias são assim, e precisamos buscar os pontos no Paraguai. Temos equipe para vencer lá".
O técnico Dunga não confirmou quem serão os substitutos de David Luiz e Neymar, mas é pouco provável que a dupla convocada para o lugar dos suspensos (Felipe e Gabigol) tenha oportunidade de sair jogando.
Os favoritos para ocupar as vagas são Gil e Ricardo Oliveira, e a seleção brasileira deve começar o jogo com a seguinte formação: Alisson; Daniel Alves, Miranda, Gil e Filipe Luis; Fernandinho, Luiz Gustavo e Renato Augusto; Willian, Ricardo Oliveira e Douglas Costa.
Donos da casa
Se no Brasil é proibido mencionar a falta que Neymar deve fazer, no lado paraguaio não há qualquer receito em comemorar a ausência do jogador do Barcelona.
O goleiro Justo Villar, por exemplo, foi direto: "Não dá para negar que é um alívio", comentou, emendando na sequência que "o Brasil tem outros bons jogadores".
O Paraguai tem os mesmos oito pontos do Brasil na classificação, mas está uma posição atrás na tabela por ter um saldo de gols inferior até o momento.

Comentários
0 Comentários