Agente de Endemias é resgatado por bombeiros após enfrentar dificuldades para descer de edifício, em Patos.


A coordenadora de Vigilância Ambiental, Gorete Batista, solicitou resgate das equipes do 4º Batalhão do Bombeiro Militar (4º BBM) para ajudar a um Agente de Combate as Endemias (ACE) que ficou preso após subir em um prédio para realizar serviços de combate ao Aedes Aegypti na cidade de Patos.
O fato aconteceu nesta sexta-feira, dia 01, por volta das 09h00, na Rua Horácio Nóbrega, Bairro Belo Horizonte, quando o ACE Raphely Oliveira subiu no prédio para verificar a caixa d’água do prédio, no entanto, ao tentar descer enfrentou dificuldades.
A equipe de bombeiros, que teve a guarnição formada pelo Sargento Otaviano, Sargento Gadelha, além dos Soldados Luciano e Felipe, fez o resgate usando escada e equipamentos necessários para a descida com segurança do servidor. “O local que ele subiu era de difícil acesso. Eu o ajudei a descer e perguntei por que ele tinha subido sem equipamento de segurança. O rapaz disse que se não subisse não faria o serviço realizado, pois não tem equipamentos. O trabalhador se mostrou dedicado, porém correu risco”, relatou Sargento Otaviano.
O vice-presidente do Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região (SINFEMP), José Gonçalves, relatou que esse tipo de acontecimento demonstra claramente que os servidores públicos trabalham sem condições de serviço. “O servidor é cobrado, no entanto, a Prefeitura Municipal de Patos não dá o equipamento necessário para a realização do trabalho. Isso é lamentável!”, relatou Gonçalves.


Jozivan Antero – Patosonline.com

Comentários
0 Comentários