Prefeito compra equipamento para matar mosquito e faz o teste antes de usar, em Conceição.


A cidade de Conceição (PB) vive um surto viral, com a proliferação do mosquito aedes aegypti, assim como dezenas de municípios de todo o Sertão da Paraíba, porém, um ato inusitado foi praticado pelo Prefeito Nilson Lacerda como forma de demonstrar sua simplicidade: Ele adquiriu três atomizadores costais, uma espécie de pulverizadores motorizados que fazem um trabalho semelhante ao do carro-fumacê, e antes mesmo de qualquer pessoa colocar em funcionamento ele utilizou para testar a nova arma.
De acordo com o coordenador de atenção básica do município, Lindemberg Soares, o surto, notadamente de chikungunya, começou há cerca de um mês, e menos de 10% da população foram infectadas. No entanto, segundo ele, a Prefeitura, que já vinha realizando diversas campanhas públicas e ações domiciliares preventivas contra o mosquito, intensificou ainda mais o trabalho agora.
Há duas semanas, um acordo entre a Prefeitura e o Ministério Público definiu metas para a atuação dos profissionais que trabalham diretamente no combate ao mosquito: cada um dos 11 agentes de combate às endemias visitará 50 residências diariamente, enquanto os 42 agentes comunitários de saúde estão compromissados de visitar, todos os dias, 12 residências cada um.
 “Cada canto da cidade será pulverizado na luta contra o mosquito, e, com relação às pessoas doentes, nós temos oito postos do Programa Saúde da Família e o hospital com médicos e medicamentos para enfrentar o surto”, comentou o coordenador, ao lembrar que os atomizadores vêm acompanhado de equipamento de proteção individual para o profissional que vai realizar a pulverização.

Fonte Assessoria/DiamanteOnline/Folha do Vali

Comentários
0 Comentários