Governo do Amazonas confirma morte de seis detentos em presídio de Manaus.

Corpos foram retirados da UPP durante a noit 
(Foto: Patrick Marques/G1 AM)
Subiu para seis o número de detentos mortos hoje (7) na Unidade Prisional da Puraquequara (UPP), na zona leste de Manaus. Em nota, a Secretaria de Administração Penitenciária do Amazonas (Seap) informou a identidade das vítimas: Janderson Araújo da Silva – conhecido como Boca Rica, Leonardo Almeida de Souza, Marcos Henrique Neves de Lima, Tiago de Araújo, Felipe Xavier Oliveira e Felipe Gonçalves Marques.
De acordo com o governo estadual, não houve motim ou rebelião na unidade, “tendo em vista que os internos não apresentaram oposição às forças policiais, reivindicações e nem danos ao patrimônio público”.
A Polícia Militar do Amazonas está no presídio realizando procedimento de contagem de internos. Policiais civis estão interrogando os detentos que estão presos nas celas onde ocorreram os crimes. Além disso, peritos do Instituto de Criminalística realizam a perícia técnica na unidade prisional. A ação também está sendo acompanhada pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas.
No dia 2 de janeiro deste ano, quatro detentos foram mortos na Unidade Prisional do Puraquequara, mesmo dia em que terminou a rebelião no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), que resultou na morte de 56 presos.

Comentários
0 Comentários