Matrículas para curso de idiomas gratuito com mil vagas começa em julho.

As aulas do primeiro semestre do ano 2017 serão retomadas na segunda-feira (10), 
com cerca de 500 novos alunos (Foto: Reprodução)
O novo prédio do Centro de Línguas Estrangeiras (Celest) foi entregue na manhã desta quinta-feira (6), situado na avenida Epitácio Pessoa. O novo espaço possui nove salas de aula e novas instalações, como uma sala de convivência, biblioteca e sala de apoio psicopedagógico, e permite uma ampliação em 50% da capacidade de ensino de cinco idiomas para a população, alcançando 3 mil alunos. 


Leia mais:
Matrículas
O processo de matrícula para novos alunos se inicia no segundo semestre de 2017, em 3 de julho, com uma previsão de mil vagas para a população.
Todos os cursos são inteiramente gratuitos, com as vagas distribuídas por ordem de chegada. Para se matricular é necessário apresentar uma foto 3×4, RG e CPF, comprovante de renda e de escolaridade e cópias.
Desse total de vagas, 145 são destinadas a servidores do município e mais 145 para funcionários do trade turístico. No ato da matrícula, quem for funcionário da Prefeitura, deve apresentar também o contracheque e quem pertencer ao trade deve apresentar documentação comprobatória. As aulas de cada turma acontecem uma vez por semana.
Para a sociedade civil, existe uma preferência de oferecer vagas em turmas mais avançadas. Nos cursos para adultos (acima de 18 anos), existe uma parcela de vagas de 33% em todas as turmas. A prioridade para atender em cursos iniciantes é para atender os alunos da rede pública de ensino.
Idiomas
Os cinco idiomas oferecidos no Celest são Inglês, Espanhol, Alemão, Libras e Francês e os cursos chegam a durar até três anos. Com a entrega das novas instalações, os alunos retomam o calendário de aulas na próxima segunda-feira (10). 
O diretor do Celest, Jonathan Vieira, afirmou que o Celest muda os paradigmas do ensino de línguas na Capital. “Para quem vive da educação e acredita nela, esse é um espaço onde a gente vai poder inspirar ainda mais pessoas a buscarem uma qualificação. João Pessoa vem dando exemplo de internacionalização. Temos projetos magníficos na nossa Prefeitura, e o Celest é só um deles, que mostra nosso compromisso de deixar a nossa sociedade cada vez mais preparada para lidar com o internacional, seja na parte de desenvolvimento, como com os projetos do BID, seja em formação continuada de professores”, declarou.
Aulas
As aulas do primeiro semestre do ano 2017 serão retomadas na segunda-feira (10), com cerca de 500 novos alunos. Atualmente, o local possui cerca de 2 mil alunos entre novatos e veteranos. O serviço é destinado a alunos da rede pública de ensino, servidores do município e funcionários da área do Turismo. Neste semestre, o Celest acrescentou número de vagas para o público geral.
Os alunos aprendem escrita, leitura, audição e conversação. Os conteúdos são trabalhados e ministrados através de aulas expositivas, pesquisas, diálogos, leituras, debates e reflexões a partir da contextualização do material didático elaborado, levando-se em consideração diversos temas, a exemplo de cultura e sociedade. Nas aulas, são utilizados livros, textos, música, CD-ROM, DVDs, jogos, dentre outros recursos.

Comentários
0 Comentários